Dia do C4G

Ao longo de dois dias, a 17 e 18 de junho de 2019, a comunidade de Ciências da Terra Sólida reuniu na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP), para fazer o ponto de situação do C4G – Colaboratório para as Geociências, e estruturar as atividades a desenvolver a curto, médio e longo prazo. Massimo Cocco, o Diretor Executivo do EPOS ERIC, apresentou o C4G como o nó Português desta rede, salientando a importância dos nós nacionais na sustentabilidade a médio e longo prazo esta rede.

Foi apresentado o C4G-HUB como ‘one-stop-shop’ das Ciências da Terra Sólida, o local interativo onde se acedem dados, recursos tecnológicos e atualização permanente do conhecimento, bem como a articulação com a e.infraestrutura do EPOS ERIC, e com os seus serviços e produtos (S&P), tendo sido debatida a política de acesso aos recursos disponibilizados na rede, a certificação dos equipamentos e a capacitação de uso, bem como a integração desta oferta no C4G-HUB. Duas Sessões de Mobilização para a ação – Trabalho em grupo, primeiro com os Grupos de Trabalho e depois com as Linhas de Ação, estruturaram o Plano de ação para a integração do primeiro ciclo de oferta de Dados e S&P no C4G-Hub, perspetivando os ciclos sequentes.

O Conselho Coordenador e a Comissão Executiva do C4G aprovaram o relatório de gestão do primeiro semestre de 2019, e foi dada notícia da marcação de audiência com o Senhor Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, para esclarecimento das medidas a adotar para a consolidação da RNIE, tendo sido também discutida uma proposta para regras de representatividade e sustentabilidade em Projetos Europeus, e abordado o modo de acesso aos recursos disponibilizados pelo C4G.

No encerramento dos trabalhos, a Comissão de Implementação alargada aos GT e às LA apresentou as principais conclusões dos trabalhos, apontando os desenvolvimentos adotados para a oferta de produtos e serviços do C4G.